A montagem, acompanhamento técnico e medição técnica

Quando se fala de móveis planejados ou feitos sob medida, existem algumas questões importantes a serem analisadas, como a qualidade dos produtos, os materiais utilizados na sua fabricação, as formas de manutenção, etc.
 
Nesse sentido, os mesmos são excelentes e podem te ajudar a construir o espaço dos seus sonhos na sua casa ou apartamento, mas isso adiantará muito pouco se você não se empenhar nesses pequenos detalhes.
Pensando nisso, um item muito importante para a longevidade dos mesmos é o processo de montagem, e, em vista disso, nos deteremos nele nesse artigo. Aproveite, portanto, para tirar as suas dúvidas a seguir:
 

Cuidados para a montagem de móveis planejados

 
Após a escolha e fabricação dos móveis dos seus sonhos, a próxima etapa que você deverá passar é a montagem deles no cômodo designado por você. A grande questão é que essa parte, por mais simples que pareça, é tão importante quanto as anteriores.
 
Às vezes, todo o processo pode demorar dias, inclusive, e é importante que você se organize e esteja atenta às necessidades do montador para que as suas novas peças não se danifiquem nesse período.
 
Uma montagem equivocada, sem a devida atenção às questões estruturais de seu lar, pode contribuir para que o seu investimento encontre um fim antes do previsto.
 
Pensando nisso, listamos algumas coisas importantes para você observar e, eventualmente, até auxiliar os técnicos ou a equipe que prestará esse serviço para você. Vamos conferir?
 

1. A chegada

 
Como quem demanda esse tipo de projeto, geralmente, são as pessoas que compraram recentemente os seus imóveis. A recomendação inicial é que as mesmas se atentem às questões de infraestrutura do lugar.
 
Por exemplo, no seu novo lar, há como o caminhão estacionar para descer com esses objetos? Se não houver essa possibilidade, onde seria o melhor lugar para ele parar?
 
Fora isso, caso se more em um condomínio, os móveis conseguirão entrar no elevador? Existe a possibilidade de transportá-los pela escada ou há algum outro acesso?
Enfim, esse item costuma dar mais dor de cabeça do que parece, desperdiçando muitas vezes um dia inteiro de montagem por falta de uma melhor organização.
 

2. Conferindo medidas

 
A medição técnica é outro fator super necessário nesse processo, pois determina qual o espaço que o móvel irá ocupar dentro do ambiente designado para ele.
 
Um erro básico, mas que acontece com frequência é quando as dimensões do projeto e do ambiente não se relacionam, necessitando algumas vezes refazer os móveis, demandando ainda mais tempo.
 
Além disso, um ponto igualmente importante para o projeto é se lembrar do espaço para a circulação, pois isso permitirá que os moradores se locomovam ali sem esbarrar nesses itens, garantindo assim a sua preservação.
 
Tudo isso demonstra, portanto, a necessidade de fechar contrato com uma prestadora de serviços de confiança e consolidada no mercado para que o resultado alcançado seja o melhor possível.
 

3. Atenção aos canos de água e com a rede elétrica

 
Ainda: no processo de montagem é necessário estar bem atento aonde se localizam os canos de água e a rede elétrica, afinal, tanto um quanto o outro pode avariar não somente o seu móvel planejado, mas também o seu imóvel novo.
 
Se possível, ofereça ao montador a planta hidráulica e elétrica da casa ou apartamento para evitar que acidentalmente o mesmo danifique um cano ou uma fiação, tornando a montagem um processo mais demorado do que ele precisa ser.
 

4. Peça por um acompanhamento técnico

 
Por fim, no ato da montagem, algumas empresas oferecem um supervisor, que em geral é um profissional capacitado e familiarizado com o projeto, que fica responsável pelo acompanhamento técnico.
Questione se no lugar em que você fechou o serviço há a possibilidade deles enviarem um desses profissionais, pois, em geral, eles conseguem otimizar esse processo.
 
Sendo assim, o que fica evidente é que a montagem é uma parte importantíssima para quem deseja ter em seu lar móveis planejados ou feitos sob medida. Invista igualmente o seu tempo e energia na mesma!
Se você desejar saber mais a respeito, confira também as nossas outras publicações.

 

Quem leu este artigo leu também:

 
Projeto de Cozinha para o seu Restaurante

Plano de Negócios para uma Cozinha Industrial

Como Economizar na Compra de Móveis Planejados?

Chapa de Lanche (Parte 1)

Chapa de Lanche (Parte 2)

Batendo o Martelo

A Importância do Controle de Temperatura na Segurança Alimentar

Métodos de Cocção mais Comuns no Trabalho de um Cozinheiro

Aprenda como Montar uma Cozinha Industrial

 
Acompanhe o nosso Instagram as novidades do mundo das cozinhas profissionais e tenha diversas idéias para o seu negócio!

Instagram: @bertacozinhas

Comments are closed.